Trabalho de Figurinista

O trabalho do figurinista é essencial, principalmente na área de cinema, televisão e teatro. Ele não cria somente a roupa, mas apresenta o contexto histórico, status e a profissão do personagem, sua idade, interesses, entre outros. Responsável pela criação da aparência do personagem, o figurinista deve estudar o período histórico, conhecer o conceito do diretor e produtor, definir se o figurino é realista, para-realista ou simbólico, pensar no público-alvo que vai assistir o trabalho. Além disso, fazer a pesquisa dos materiais, pois o projeto deve ser desenvolvido de acordo com o orçamento e condições financeiras da empresa.

Um dos desafios do profissional desta área é combinar a expressão da sua personalidade com os objetivos do projeto e ideias da equipe de produção da peça.

Normalmente, o figurinista começa o trabalho lendo o roteiro da peça que será produzida. Se existe um período histórico determinado no script, será necessário realizar uma pesquisa histórica, que inclui pesquisa de estilo de vida, normas e costumes, arte, arquitetura, regras de vestuário, entre outros. Ele tem que criar o personagem, que se parece com uma pessoa real, através de roupas, cabelo, maquiagem. A pesquisa é um dos passos mais importante na criação do figurino.

É muito importante que o figurinista analise o ambiente, onde o personagem atua. Analisando a prática, alguns figurinistas, como por exemplo Patricia Field, compram as roupas em lojas de bairros de cidades onde o personagem fica, o que torna ele mais realista.

Durante a etapa inicial, além da pesquisa acontece a reunião com a equipe de produção para discutir as ideias e ver se os croquis iniciais atendem às expectativas. Durante as reuniões com a equipe também serão verificadas as características dos personagens e a quantidade exata de looks completos. Além de focar na interpretação do caráter do personagem através das roupas, o figurinista precisa ser prático. É necessário pensar em movimentos do ator, ambiente onde a cena será filmada, e quanto tempo o ator vai passar usando cada look. Essas considerações são essenciais, principalmente em filmes de ação e aventura, onde o ator faz movimentos que podem estragar a roupa, tais como luta e corrida.

É importante lembrar que o figurinista nunca trabalha sozinho. Ele mantém relação de encomenda e resposta com os profissionais de compras, acervo, elenco, costura, produção executiva, direção e entre outros. E também tem uma relação de troca com equipe de efeitos especiais, cenográfica, técnica, produção de arte, fotografia e agência de figuração

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *